<< Voltar pra Home

Consumidor



Sem desperdício: cresce o nível de consciência e influencia na hora da compra

28 de fevereiro de 2023
 - 
21:00
 - 
Bruno Marcon
Featured image for “Sem desperdício: cresce o nível de consciência e influencia na hora da compra”

Consumidores estão cada vez mais preocupados com o desperdício de comida e aceitam produtos imperfeitos desde que com custo mais acessível

Os consumidores estão cada vez mais conscientes e exigindo posturas diferenciadas das empresas e marcas. Uma das questões mais atuais é o combate ao desperdício. Pesquisa realizada pela consultoria Capgemini sobre perda e desperdício de alimentos – que chega a 40% da produção global – identificou que os consumidores estão ansiosos para mudar. Tanto que, a grande maioria, recorre à lista de compras para não se exceder no supermercado. Nos últimos 12 meses, as buscas online por métodos para aumentar a vida útil dos alimentos em casa cresceram 80%.

O levantamento ouviu 10 mil pessoas e executivos de mais de mil empresas do setor na América do Norte, Europa e Ásia.

Mas esse cuidado não é exclusivo: eles querem compartilhar com as marcas. Hoje, 61% deles acreditam que marcas, lojas e supermercados devem fazer mais para ajudar a reduzir o desperdício e 57% se sentem desapontados com essas organizações por não se importarem o suficiente com o problema.

Embora as empresas acreditem que estão tomando medidas positivas para reduzir o desperdício, o público quer que elas façam mais em áreas como inovação de produtos, embalagens, clareza dos rótulos de data de validade e educação do consumidor.

Por exemplo, as pessoas gostam de ver etiquetas digitais com mais informações úteis em códigos QR, que fornecerão mais informações sobre a jornada e a qualidade do produto. Apenas 33% estão satisfeitos com a rotulagem atual.

Redução de danos

Outras expectativas dos clientes também foram listadas: 76% acreditam que as lojas deveriam oferecer porções apropriadas/customizadas; 67% gostariam de ter acesso a aplicativos que comercializassem os itens não vendidos em supermercados e restaurantes por preços mais baixos; 63% esperam que as vendas online tenham porções e quantidades menores.

O estudo também listou as vantagens que o combate ao desperdício trará para as empresas:

  • aumento da confiança do consumidor, pois 91% dos respondentes afirmou estar disposto a comprar de marcas que tratam o desperdício com transparência;
  • benefícios financeiros, já que os custos associados às perdas giram em torno de 5,5% das vendas;
  • atingir os objetivos de ESG, considerando que o desperdício de alimentos é responsável por 8% da emissão de carbono no planeta.

Ao envolver empresas, varejistas, supermercadistas, consumidores e toda a cadeia produtiva e de transporte, é possível criar novas soluções, evitar perdas e oferecer alimentos mais acessíveis para todos.


Compartilhar:
Image

Últimas Notícias



Image

Paganini amplia portfólio com novas massas

Produzidas, conforme a autêntica tradição italiana, entre os lançamentos, o Nhoque de Batata é um dos grandes destaques A Casa…
Image

#AjudaSul: setor supermercadista segue contribuindo em prol do RS

Empresas de todo o País continuam apoiando o povo do sul; você empresário, participe também dessa grande ação, faça a…
Image

Neugebauer lança embalagem em apoio ao Instituto Floresta

Novidades trazem QRCode que leva para doações ao projeto, que vem promovendo diversas ações para reconstrução do Estado A Neugebauer,…
Image

CEO do Grupo Carrefour Brasil fala sobre as chuvas no Rio Grande do Sul

Stéphane Maquaire comentou sobre congelamento de preços em virtude da tragédia no RS e o processo de integração das novas…