<< Voltar pra Home

Internacional



Megafusão cria gigante dos supermercados nos EUA: Kroger compra Albertsons

15 de outubro de 2022
 - 
13:43
 - 
Bruno Marcon
Featured image for “Megafusão cria gigante dos supermercados nos EUA: Kroger compra Albertsons”

Negócio ultrapassa os 24 bilhões de dólares, mas os órgãos reguladores podem vetar a união em algumas regiões

A Kroger, a maior rede de supermercados dos Estados Unidos em número de lojas, acaba de anunciar a compra da rival Albertsons, a segunda maior, por US$ 24,6 bilhões.

A fusão, uma das maiores já feitas no varejo americano, é uma reação ao desafio imposto pela redução das margens diante da concorrência acirrada com gigantes como o Walmart, a maior do país em faturamento, e a Amazon, que tem crescido no varejo alimentar nos últimos anos. 

O negócio, no entanto, poderá enfrentar resistência dos reguladores. 

Entidades de defesa dos direitos dos consumidores já manifestaram preocupação por causa do possível impacto nos preços das mercadorias num momento de alta da inflação. 

A Kroger e a Albertsons operam juntas cerca de 5.000 lojas, incluindo farmácias e postos de gasolina. Mas o faturamento total de ambas, de US$ 209 bilhões no ano passado, fica abaixo dos US$ 218 bilhões do Walmart. 

O CEO da Kroger, Rodney McCullen, disse que as empresas são complementares em sua cobertura territorial, e unidas ganharão escala para acelerar a expansão. 

A Kroger está desembolsando US$ 34,10 por ação, um prêmio de quase 30% em relação ao preço do fechamento de ontem.

Para conquistar a aprovação dos reguladores, as empresas estão dispostas a abrir mão de negócios em que existam sobreposição das operações. Isso ocorre particularmente na Costa Oeste.

Depois do anúncio da proposta, as ações das duas empresas caíram mais de 7%. Segundo analistas, a reação dos investidores indica um certo ceticismo em relação à concretização da fusão. 

Num esforço para contornar a resistência, a Kroger disse que a fusão traria ganhos estimados em US$ 500 milhões e que a redução de custos será transferida para os consumidores, que terão preços mais baixos. 

“Não há razão para permitir a fusão de duas das maiores redes de supermercados do país – especialmente com os preços dos alimentos em alta,” disse em comunicado Sarah Miller, diretora da American Economic Liberties Project. 

Para os analistas, a Kroger e a Albertsons precisam convencer as autoridades de que a união trará benefícios para os consumidores porque assim as redes terão mais capacidade de enfrentar o avanço das grandes lojas de desconto, entre elas não apenas o Walmart, mas a também americana Costco e as europeias Aldi e Lidl, que vêm ganhando espaço no mercado americano. 

O Walmart é o líder absoluto em venda de alimentos, com uma participação superior a 20% do total de vendas. A Kroger vem em segundo e a Albertsons na quarta posição. A Costco fica em terceiro. 

Com um market cap de US$ 15 bilhões, a Albertsons é dona das bandeiras Safeway e Vons, entre outras. Já a Kroger tem um valor de mercado de US$ 30 bilhões e é dona de marcas como Fred Meyer e Ralphs. 

Fonte: Giuliano Guandalini, Brazil Journal


Compartilhar:
Image

Últimas Notícias



Image

Grupo Meu Prata inaugura loja em Belo Horizonte (MG)

Com área de 420 metros quadrados, o estabelecimento conta com estacionamento amplo para clientes e quatro caixas para atendimento O…
Image

Grupo Savegnago recebe certificado de logística sustentável

Certificação da CHEP, empresa global líder em gestão e transporte, tem reconhecimento internacional e apresenta os benefícios ambientais da operação…
Image

Reckitt Comercial anuncia Alan Smelstein como novo Diretor de Vendas

Profissional vai liderar uma equipe de 200 pessoas espalhadas pelo País, dedicadas a desenvolver, junto com aos clientes, as categorias…
Image

#AjudaSul: itens produzidos no RS seguem em destaque nas redes supermercadistas

Como forma de ajudar na recuperação da economia local, prateleiras com itens oriundos do estado gaúcho foram instaladas em diversas…