<< Voltar pra Home

Lojas



Busca por alimentos saudáveis cresce na pandemia

22 de junho de 2021
 - 
00:16
 - 
Bruno Marcon
Featured image for “Busca por alimentos saudáveis cresce na pandemia”

Estudo da Nielsen detecta que artigos saudáveis alavancaram a venda da cesta de alimentos em 2020

A pandemia afetou vários hábitos do consumidor brasileiro. Um deles é a busca por alimentos saudáveis. Dados da Nielsen mostram que os itens saudáveis puxaram a venda da cesta de alimentos em 2020.

A categoria de saudáveis subiu 11% em relação a 2019. Já os básicos avançaram apenas 2,6% na mesma comparação.

Para Bruno Achkar, coordenador de atendimento ao varejo da Nielsen, esse movimento é reflexo da chamada indulgência permitida: o consumidor até se permite comprar produtos mais caros, desde que tenham o apelo de saudabilidade.

Essa mudança de comportamento também afeta a alimentação: 53% estão mudando as refeições para reduzir o consumo de carnes.

Pesquisa da Kantar mostra que o consumidor prioriza alimentos naturais e com menor teor de gordura. Veja:

Naturais: 79%

Menor teor de gordura: 75%

Menor teor de açúcar: 70%

Produtos sem aditivos: 69%

Preço é fator limitante

A busca por alimentos saudáveis esbarra no fator preço. Pesquisa da Kantar mostra que 35% dos consumidores não compram alimentos saudáveis porque consideram muito caros. Por isso, a presença dessa categoria é de 22% na cesta de compras da classe AB. Já na cesta da classe CDE, esse percentual cai para 13%.

Hábitos saudáveis

Outro levantamento da Nielsen mostrou que 1/3 da população já adota hábitos saudáveis. Dentro desse grupo, 71% estão mudando os hábitos de consumo por conta de preocupações com o ambiente.  Exemplo disso é que 79% não compram produtos de empresas de fazem testes com animais.

Quais são seus hábitos saudáveis?

Pesquisa perguntou que hábitos são esses aos consumidores – Nielsen

Separo lixo orgânico do reciclável – 68,1%

Uso sacolas recicláveis ou caixas de papelão nas compras – 61,1%

Priorizo produtos com embalagens sustentáveis – 46%

Priorizo embalagens de fácil reciclagem – 36,4%

Priorizo produtos com embalagem 100% reciclada – 25,2%

Nenhum hábito de reciclagem – 6,7%

Fonte: Por Fabiana Futema, 6 Minutos


Compartilhar:
Image

Últimas Notícias



Image

Levinho, o Toddynho da caixinha azul com menos açúcares e gorduras

Marca usa nova embalagem para colocar Toddynho Levinho na lembrança dos consumidores e reforçar seus diferenciais nutricionais Toddynho, marca tradicional…
Image

Supermercados Correia diminuem perdas e custos de tesouraria com cofre inteligente

“Trabalhamos com margens apertadas e todo ganho é fundamental”, declarou Vitorino Correa Neto, diretor da rede Em 2023, Vitorino Correa…
Image

Carteira digital CencoPay da Cencosud é lançada no Brasil

Ferramenta disponível para clientes Prezunic permite acúmulo de cashback e utilização do saldo para pagamento de compras na própria rede…
Image

Covabra Supermercados abre 15 vagas de emprego para loja de Limeira (SP)

As oportunidades abertas são para as duas unidades da cidade; currículos devem ser entregues na loja Jardim Aquarius A primeira…