<< Voltar pra Home

Destaques



Abrasmercado: alimentos básicos puxam alta da cesta em todas as regiões

29 de fevereiro de 2024
 - 
13:05
 - 
Redação SuperHiper
Featured image for “Abrasmercado: alimentos básicos puxam alta da cesta em todas as regiões”

Carne bovina – corte dianteiro, pernil e ovos registraram recuo

O Abrasmercado – indicador que mede a variação de preços nos supermercados – registrou alta de 1,40% em janeiro puxado por alimentos básicos da cesta composta por 35 produtos de largo consumo (alimentos, bebidas, carnes, produtos de limpeza, itens de higiene e beleza).

Na cesta de itens básicos as principais altas vieram do feijão (+9,70%), do arroz (+6,39%), do óleo de soja (+2,84%), da farinha de mandioca (+2,27%), açúcar refinado (+0,85%), do café torrado e moído (+0,80%), do leite longa vida (+0,71%).

Dos produtos da cesta de hortifruti, que vem sendo impactada por redução na oferta devido a problemas climáticos, as principais altas foram batata (+29,45%) e tomate (+2,96%). Já a queda foi puxada por cebola (-5,57%).

Na cesta de proteína animal os recuos vieram da carne bovina – cortes do dianteiro (-2,02%), do ovo (-1,81%). O preço do pernil registrou estabilidade no mês. No acumulado de 12 meses o corte suíno registra queda de -2,74%.

Dentre os lácteos as principais quedas foram leite em pó integral (-0,48%), margarina cremosa (-0,94%). As altas foram registradas nos queijos muçarela e prato (+0,95%).

Na categoria de higiene e beleza o recuou foi registrado em papel higiênico (-0,97%). As demais variações foram: creme dental (+0,46%), xampu (+0,42%), sabonete (+0,24%).

Na cesta de limpeza houve retração em água sanitária (-0,90%) e sabão em pó (-0,59%). As altas foram registradas em detergente líquido para louças (+0,48%) e desinfetante (+0,22%).

Em janeiro, a cesta passou de R$ 722,57 para R$ 732,69 uma alta de +1,40%, na média nacional. Na análise regional, todas as cinco regiões registraram alta. A maior variação foi registrada na região Norte (+3,09%) puxada por batata (+58,30%) passando de R$ 792,74 para R$ 817,24; seguida por Centro-Oeste (1,95%) que passou de R$ 680,64 para R$ 693,89; Nordeste (+1,37%) passando de R$ 649,80 para R$ 658,71; Sudeste (+1,37%) saindo de R$ 732,67 para R$ 742,63 e Sul (1,24%) passando de R$ 808,92 para R$ 818,93.

Cesta de 12 produtos básicos tem alta de 1,28%

No recorte da cesta de alimentos básicos com 12 produtos houve alta de 1,28% em janeiro, passando de R$ 302,24 para R$ 306,11.

As principais altas de preços foram registradas em feijão (+9,70%), arroz (+6,39%), do óleo de soja (+2,84%), farinha de mandioca (+2,27%), açúcar refinado (+0,85%), café torrado e moído (+0,80%), leite longa vida (+0,71%), massa sêmola de espaguete (+0,12%).

Dentre as quedas estão farinha de trigo (-1,78%), a carne bovina – corte do dianteiro (-2,02%) e margarina cremosa (-0,94%).


Compartilhar:
Image

Últimas Notícias



Image

Bem-estar é nova tendência dos supermercados americanos

Estudos mostram que essa pode ser uma oportunidade para produtos de marca própria e serviços digitais Por Renato Müller Os…
Image

Grupo Carrefour Brasil lança gôndola com produtos feitos na Amazônia

Iniciativa exclusiva e em rede nacional, programa “Floresta Faz Bem” incentiva a venda de produtos produzidos por povos indígenas e…
Image

Casas de apostam investem R$ 550 milhões em camisas de clubes

Conhecidos como Bets, movimentam o mercado brasileiro e valorizam os times do país Com permissão para atuar no País desde…
Image

DM adquire carteira de clientes da Credz

Com a aquisição, a empresa amplia atuação, cresce em novos segmentos, e alcança mais de 3 milhões de lares brasileiros…