<< Voltar pra Home

ABRAS



RAMA apresenta novos resultados durante a ABRAS´23 food retail future

2 de outubro de 2023
 - 
18:05
 - 
Redação SuperHiper
Featured image for “RAMA apresenta novos resultados durante a ABRAS´23 food retail future”

No primeiro semestre de 2023, o RAMA rastreou 1.4 milhões de alimentos, a meta para 2023 é de 2.6 milhões

Durante a ABRAS’23 food retail future, no painel do ABRAS em Ação, o vice-presidente Institucional e Administrativo da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS), Marcio Milan, destacou os resultados do Programa de Rastreabilidade e Monitoramento de Alimentos (RAMA), programa que visa levar alimentos seguros para a mesa do consumidor.

Marcio Milan, VP Institucional e Administrativo da ABRAS

Para 2023, a estimativa do volume de rastreamento é de 2.6 milhões e, somente no primeiro semestre deste ano, foi realizado o rastreamento de 1.4 milhão. Milan ressaltou que foram cerca de 2.190 amostras coletadas, presentes em 23 estados, mais o Distrito Federal, sendo uma grande área de abrangência.

Além disso, o estudo de risco dietético realizado pela ABRAS, em parceria com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), mostrou que 99,7% das 2.190 analises não apresentaram situação de potencial risco agudo inaceitável ao consumidor. Em relação à conformidade, ou seja, o monitoramento de resíduos químicos, a meta para 2023 é atingir o total de 83%, retomando a queda de 2022 (78%) em relação ao ano 2021 (81%).

Já para 2024, com o intuito de dar continuidade ao trabalho e avançar numa agenda que envolve uma cadeia complexa, a ABRAS se reuniu com outras entidades para discutir os próximos passos. “Nós nos reunimos com a Anvisa, o Ministério da Agricultura e Pecuária, a GS1 e os representantes dos produtores e defensivos agrícolas. Nós fizemos um grande debate, que de uma forma transparente, estamos construindo mais uma evolução para o próximo ano, para impulsionar ainda mais essa cadeia”, explica Milan.

Outro ponto evidenciado foi o mecanismo que o governo está lançando sobre a rastreabilidade na cadeia bovina, Lei nº 14.515 de 2022, que tem como finalidade fortalecer a produção agropecuária, implantar um programa de identificação individual no rebanho brasileiro, qualificar as ações e políticas públicas, com o objetivo de assegurar a procedência, controle sanitário e o rastreamento de seus subprodutos em todo território nacional.

Mas, há três questionamentos que o VP faz em relação ao projeto:  Quem fará a rastreabilidade? Quando fará? Como será feito? Pensando nisso, o Mistério da Agricultura e Pecuária criou um programa de governança, coordenado pela Secretaria de Defesa Agropecuária que abrange a cadeia produtiva como um todo. “A ABRAS está acompanhando os trabalhos, pois queremos que o indireto seja feito pelo próprio setor produtivo”, finaliza Marcio.


Compartilhar:
Image

Últimas Notícias



Image

Spani Atacadista celebra 21 anos e projeta faturar R$ 4,5 bi em 2024

Bandeira do Grupo Zaragoza, rede é referência no segmento de Cash & Carry Bandeira pertencente ao Grupo Zaragoza, o Spani…
Image

RS: Grupo Imec anuncia compra de lojas do Carrefour Brasil

Primeiras unidades da empresa no litoral gaúcho, elas serão operadas com a bandeira Desco Atacado O Grupo Imec adquiriu duas…
Image

Grupo Muffato lança sexto empreendimento em Ponta Grossa, Paraná

Novo Max Atacadista será o terceiro atacarejo da rede na cidade O Grupo Muffato anunciou o lançamento de mais um…
Image

Grupo Amigão abre vagas em feira de empregabilidade de Sarandi (PR)

Interessados deverão levar carteira de trabalho, documento de identificação e currículo atualizado O Amigão Supermercados e o Stock Atacadista, pertencentes…